O que Mudou Depois que me Tornei Mãe!

O que Mudou Depois que me Tornei Mãe! Neste post você vai conferir o que muda na vida depois dos filhos. Pega a pipoca, clique e confira!

 

O que Mudou Depois que me Tornei Mãe!

 

Oi lindonas tudo bem com vocês?

Hoje eu vim fazer um post bem descontraído, contando para vocês o que mudou na minha vida depois que eu me tornei mãe.

Muita coisa mudou e eu vim compartilhar com vocês, tenho certeza que você que é mãe vai se identificar comigo em algumas coisas.

Então se você quer conferir tudo é só ler o post completo.

Vamos lá!

Não estou fazendo esse post para desanimar você que quer ter filho, pelo amor de Deus! kkk

Porque é a coisa mais gostosa do mundo, ser mãe foi a melhor coisa que eu fiz!

Eu agradeço muito a Deus pela oportunidade, por ter a Maju na minha vida. Ela é demais, uma pessoa que eu amo com todas as minhas forças, eu não imaginei que eu pudesse amar tanto uma pessoa como amo ela.

É um amor que faz você pensar, como é possível amar tanto uma pessoa até mais do que você mesma… É incrível!

Eu passaria por tudo de novo, por todas as dificuldades, por todo o trabalho de parto e por toda a gestação para ter essa bebezinha comigo.

A tua vida muda? Muda! Mas muda para melhor!

A vida se transforma, mas é para melhor e vale a pena cada segundo!

o-que-mudou-depois-que-me-tornei-mae-carinho

No vídeo abaixo eu falei um pouco mais sobre o que mudou após o nascimento da Maju.

Assista!

  • Rotina!

Antes a gente tem uma rotina só nossa e do marido, e depois se transforma.

Antes eu tinha um pensamento que o bebê tinha que se adaptar a casa pois é o que todo mundo fala, só que na pratica é bem diferente, é a gente que acaba se adaptando a crianças, as necessidades dela, etc.

Tem toda uma rotina, trocar fralda, dar mama, dar comida e frutinha pois tem os horários dela.

Então primeiro ela que tem que comer, ela que tem que tomar banho e depois sou eu, eu sempre fico em segundo plano.

Porque não dá para deixar a neném esperando enquanto você faz tudo que quer antes, e depois vai fazer por ela, o jeito de ver a vida muda.

A gente fica mais carinhosa e mais atenciosa. Outra coisa que muda é o sono, eu era uma pessoa que dormia muito, era muito dorminhoca, no final de semana eu dormia até 11:00 ou 12:00.

E depois que a Maju nasceu eu tenho que acordar mais cedo, pois ela acorda no máximo 9:00hrs da manhã.

Então agente acaba tendo que acordar mais cedo durante a semana e no final de semana também.

Eu era uma pessoa que dormia a noite toda e hoje eu acordo várias vezes durante a noite, mesmo quando ela acorda só uma vez na noite, eu fico acordando toda hora para ir lá ver como ela está, porque eu acostumei.

A gente fica sempre preocupada pois tem uma pessoa ali do lado, que depende da gente. Por isso o sono não é mais igual e não dá para dormir a noite inteira como uma “pedra”.

A hora de dormir também não é mais a minha, antes é preciso fazer janta, cuidar da bebê até a hora que ela tiver sono, para só depois eu ir dormir.

Quando a Maju tinha 15 dias de nascida eu gravei como era a nossa rotina diária e mostrei tudo no vídeo abaixo.

Assista!

  • Gastos!

Eu não sabia que um bebezinho dava tanto gasto! kkkk

Quem não paga babá tem que pagar uma escolinha, ou se você conseguir uma vaga na creche vai ser maravilhoso pois não vai pagar nada, mas mesmo assim tem muito gasto com roupinha e com fralda.

Nos primeiros meses eu comprava roupa para Maju a cada 15 dias porque ela perdia muito rápido, nem dava tempo para ela usar direito e eu já doava para as pessoas que conheço.

A conta do supermercado também aumenta, a quantidade de fruta aumenta e o leite também, pois além dela mamar no peito, ela também mama na mamadeira.

O gasto com roupa aumenta, pois roupa de bebê é muita cara, é igual roupa de adulto.

o-que-mudou-depois-que-me-tornei-mae-papinha

Saiba como foi o dia em que eu dei pela primeira vez a papinha de frutinha para a Maju no vídeo abaixo!

 

  • Viagens!

Outra coisa que mudou foram as viagens, pois antes a gente se programava para viajar sem preocupação nenhuma, pois era só eu e o James, e a gente arrumava uma mala para nós dois.

E agora a gente tem que levar uma mala só para ela!

Porque tem que levar roupinha caso esfrie o tempo, por isso tem que ter roupa de inverno e roupa de verão, sapatinho, sandália não pode esquecer de nada.

Tem os laços para o cabelo, fralda que eu já levo, porque as vezes não tem farmácia perto do hotel.

Eu levo tudo que precisar, e acabo levando muita coisa na hora da viagem, tem que se programar, arrumar a mala bem antes para não esquecer de nada.

É remédio, termômetro… se eu for falar tudo que precisa levar vou ficar aqui muito tempo.

Outra coisa que precisa dependendo de aonde for, é carrinho e bebê conforto, porque ela está bem pesada então não dá para ficar andando com ela no colo.

o-que-mudou-depois-que-me-tornei-mae-bebe

E por falar em viagem, confira no vídeo abaixo como foi o dia que a Maju viajou de avião pela primeira vez!

  • Amigos!

Antes a gente saía mais, ia para a balada, pois não tinha preocupação. Mas agora sempre tem que ter alguém para ficar com ela, não podemos simplesmente sair, temos que nos programar antes.

A maioria das vezes que a gente sai para ir almoçar ela vai junto, mesmo que a gente vá com amigos solteiros a gente leva ela, porque ela tem que se acostumar também a sair com a gente e não ficar só em casa.

Mas os amigos acabam ficando mais de lado, porque a gente tem uma rotina com o bebê e não é sempre que vamos poder sair. Pelos menos para a gente essa questão mudou bastante!

o-que-mudou-depois-que-me-tornei-mae-maju

Confira aqui algumas dicas para acabar e prevenir a cólica do bebê: como aliviar e prevenir a cólica no bebê.

  • Relacionamento do casal!

A gente acha que o relacionamento vai ser igual, mas isso não acontece. Muda muita coisa, não pode esquecer que é o casal em primeiro lugar pois antes do bebê a mãe e o pai são um casal, porque é através daquela relação que a bebê nasceu.

É preciso cuidar muito do relacionamento, porque você acaba não tendo muito tempo para a pessoa e tendo mais tempo para criança.

Mas é preciso reservar um tempo para o seu marido ou sua esposa, porque vai fazer falta, principalmente nos primeiros meses, porque o foco fica totalmente para o bebê.

É muito importante tomar cuidado com a atenção ao marido, é preciso cuidar com as palavras porque as vezes a gente acaba ficando irritada por conta dos hormônios e descontando nele.

Outra coisa que muita gente tem dúvida, mas que quase ninguém fala, que é como que faz para namorar! kkkk

Isso é tão normal, mas ninguém fala sobre isso.

Porque durante a noite o bebê acorda toda hora, então muitas pessoas se perguntam como que faz para namorar.

Quando o bebê dorme a noite inteira, você pode namorar durante a noite, pode ficar com seu marido mais tempo durante a noite e assistir um filme.

Só que a Maju dorme muito tarde, ela dorme lá para 00:00 e durante a noite ela acorda, então como que a gente faz?

Quem quer arruma um jeito e quem não quer arruma uma desculpa né…kkk

A gente sai na hora do almoço, vai para casa e namora, fica junto um pouco e depois a gente volta para o trabalho.

É simples!

O casal tem que cuidar desses momentos juntos porque é muito importante.

Nesse post eu mostrei algumas dicas para ajudar ao bebê dormir a noite toda. Confira!

7 dicas de como fazer o bebê dormir a noite inteira. Confira também!

Como fazer o bebê dormir sozinha.

Assista também!

Por hoje é isso lindonas,

Um grande beijo e até o próximo post!

Julia Doorman.

 

5/5 - (9 votes)

3 thoughts on “O que Mudou Depois que me Tornei Mãe!

  1. Sempre li os posts que mais me interessavam daqui, e hoje vi que você tem uma filha linda.
    Parabens!!!
    Além de se cuidar feito uma princesa, ainda tem a função mãe.
    Me admira mulheres como você! Parabéns mesmo!!! Espero ser assim quando Deus me agraciar com um anjinho.
    Um beijão!

  2. Oii Julia!

    Gostaria de saber onde você comprou aquele bercinho auxiliar para a Maju, aquele bercinho que é usado quando eles são recém nascidos que pode sem encaixado na cama do casal..

    Obrigada Lindona!

Deixe um comentário